A História por trás das Bandeiras

A representação que as  bandeiras  tem é  muito mais prática e pode estar relacionada  a  um contexto político, o que  é  muito diferente  do caráter subjetivo do verde  representar  as  florestas  e o amarelo as riquezas  naturais como aponta a área  de  estudo das  bandeiras – a  vexilologia.

O Princípio

No período medieval era comum a o uso da representação de posse, clã ou comando ser feita  com o uso de escudos e brasões. As  bandeiras surgiram com o uso dos estandartes  de  guerra, que  basicamente  era  usado para indicar quem luta contra quem. O uso do tecido tornou mais  prático a  pintura  de um símbolo e a redução do peso para conduzir comparado aos escudos que  na  época eram feitos de metal.

A partir daí, os  estandartes  foram simplificados em seus  brasões mas  permaneciam com as  cores representativas por  toda  a  sua  extensão, e  lentamente  transformaram-se nas bandeiras de hoje.

You might like

About the Author: Fernando Negrini

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *